Ir para o conteúdo

Prefeitura Municipal de São Manuel - SP
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Youtube
Rede Social Instagram
Legislação
ARRASTE PARA VER MAIS
LEGISLAÇÃO
Atos relacionados
INTERAÇÃO
Anotação
Marcação
BUSCA
Expressão
EXPORTAÇÃO
Código QR
Baixar
Compartilhar
COLABORE
Reportar Erro
QRCode
Acesse na íntegra
LEI ORDINÁRIA Nº 4282, 05 DE FEVEREIRO DE 2020
Assunto(s): Servidores Municipais
Em vigor

LEI N°4282 DE 5 DE FEVEREIRO DE 2020

(Projeto de Lei 18/2020 - (Autoria: Executivo Municipal)


Altera a Lei nº 3881, de 07 de outubro de 2015, que ‘dispõe sobre a Reorganização do Regime Próprio de Previdência Social – RPPS dos Servidores Públicos do Município de São Manuel e do Instituto de Previdência Municipal de São Manuel – IPREM-SM’, e dá outras providências.


RICARDO SALARO NETO, Prefeito Municipal de São Manuel, Estado de São Paulo, no uso de suas atribuições legais, faz saber que a Câmara Municipal aprovou e ele sanciona e promulga a seguinte Lei:


Art. 1º - A Lei nº 3881, de 07 de outubro de 2015, passa a vigorar com as seguintes alterações:

Art. 18 – (...)

(...)

‘VII - controlar o efetivo recolhimento das contribuições previdenciárias dos segurados, pelos órgãos de pessoal dos entes de direito público interno do município, e o repasse à autarquia dessas contribuições e daquelas devidas pela Prefeitura, suas autarquias e fundações e pela Câmara Municipal; ‘”

Art. 26 - O RPPS, de caráter contributivo e solidário, tem por objetivo assegurar aos seus beneficiários os meios indispensáveis para sua subsistência nos casos de aposentadoria por invalidez, idade avançada, tempo de contribuição e morte, ausência ou desaparecimento de quem dependiam economicamente.”


“Art. 34 – (...)

(...)

‘V- REVOGADO

‘VI - REVOGADO

‘VII - REVOGADO

‘VIII - REVOGADO

‘X - REVOGADO’”


“Art. 79 – (...)

(...)

‘§ 3º - REVOGADO

‘§ 4º - REVOGADO’”


“Art. 122 - (...)

‘I - identificação do responsável pelo recolhimento, competência a que se refere, base de cálculo da contribuição recolhida, contribuição dos segurados, contribuição da entidade;’”

Art. 2º - Ficam revogados os artigos 42,44 a 67, e os artigos 75 a 78 da Lei 3881/2015.

Art. 3º - A responsabilidade pelo pagamento dos benefícios temporários de auxílio-doença, auxílio-reclusão, salário-família e salário-maternidade passam a pertencer ao Tesouro Municipal, nos termos da Emenda Constitucional nº 103, de 13 de novembro de 2019, podendo os valores pagos pelo Instituto de Previdência Municipal de São Manuel – IPREM-SP, relativos a tais benefícios, após a data de entrada em vigor da norma constitucional, ser ressarcidos ao Regime Próprio de Previdência Social – RPPS do Município, com as atualizações previstas legalmente.

Art. 4º - A presente Lei entrará em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário.

São Manuel, 5 de fevereiro de 2020.

RICARDO SALARO NETO

Prefeito Municipal

Registrada na Seção de Expediente em 5 de fevereiro de 2020.

Luciana Fidêncio Beloti Shinozaki

Chefe da Seção de Expediente

Autor
Executivo
* Nota: O conteúdo disponibilizado é meramente informativo não substituindo o original publicado em Diário Oficial.
Atos relacionados por assunto
c
Ato Ementa Data
LEI ORDINÁRIA Nº 1988, 16 DE DEZEMBRO DE 1993 AUTORIZA A CONCESSÃO DE UMA CESTA-BÁSICA DE NATAL AOS FUNCIONÁRIOS MUNICIPAIS E DÁ PROVIDÊNCIAS. 16/12/1993
Minha Anotação
×
LEI ORDINÁRIA Nº 4282, 05 DE FEVEREIRO DE 2020
Código QR
LEI ORDINÁRIA Nº 4282, 05 DE FEVEREIRO DE 2020
Reportar erro
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Seta
Versão do Sistema: 3.2.5 - 03/08/2022
Copyright Instar - 2006-2022. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia